03/08 – A Secretaria Estadual de Saúde investiga oito casos suspeitos de sarampo em sete cidades do Sul de Minas. Dois desses casos estão sendo investigados em Itaú de Minas. Trata-se de duas crianças gêmeas, de um ano de idade.

 

Conforme nos informou Braiane Marcelle Lemos, coordenadora da Vigilância Epidemiológica municipal, já foi coletado material para exame e enviado para Belo Horizonte, mas a coordenadora destaca que as crianças estão bem e até já sararam.

 

Outras cidades da região com um caso em investigação em cada uma delas são Cássia, Claraval, Guapé, Itajubá, São João Batista do Glória e São Lourenço. Outros dez casos já foram descartados pela Secretaria na região.

 

Até o momento não foi confirmado nenhum caso de sarampo em Minas Gerais. Atualmente são 118 casos suspeitos notificados, sendo 55 descartados e 63 que permanecem em investigação.

 

O sarampo é uma doença infecciosa aguda, viral, transmissível, extremamente contagiosa e muito comum na infância. Os sintomas comuns são irritação nos olhos, corrimento no nariz, manchas brancas na parte interna da bochecha e mal-estar, tosse persistente e manchas vermelhas na pele. Além disso, pode ocorrer febre e convulsões, infecção nos ouvidos, conjuntivite, pneumonia, perda de apetite e diarreia.

 

Braiane, coordenadora da Vigilância Epidemiológica em Itaú de Minas, destaca a importância da vacinação para as crianças de 1 ano até 4 anos, 11 meses e 29 dias, ou seja, antes de completarem 5 anos. A campanha de vacinação começa nesta segunda-feira (6) e vai até o dia 31 de agosto. Além do sarampo, as crianças serão vacinadas contra a poliomielite. O Dia D da campanha será no sábado, dia 18 de agosto.

 

Em Itaú de Minas, as vacinas contra o sarampo e a poliomielite serão aplicadas na Sala de Vacinação, ao lado do Pronto Socorro, de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h e das 13h às 16h.