03/11 – De janeiro a setembro de 2020, os municípios da região arrecadaram R$ 2,19 milhões em CFEM (Compensação Financeira pela Exploração Mineral). Em comparação ao mesmo período do ano passado, houve um aumento de cerca de R$ 180 mil.

Segundo dados do portal da Agência Nacional de Mineração (ANM), Itaú de Minas Pratápolis e São Sebastião do Paraíso são as cidades da região com as maiores arrecadações.

Itaú de Minas ficou com R$ 1,53 milhão seguido por Pratápolis (R$ 511,5 mil) e São Sebastião do Paraíso (R$ 114,2 mil).

De acordo com os dados, Itaú de Minas é o 98º município com maior arrecadação de CFEM no Brasil e o 38º em Minas Gerais.

Os municípios que receberam os menores valores foram Piumhi, São José da Barra, Passos, Carmo do Rio Claro, Alpinópolis e Cássia.

A CFEM é uma contraprestação que as empresas de minérios pagam a União pelo aproveitamento econômico dos recursos minerais. O valor é calculado de acordo com o faturamento líquido da venda do mineral: 12% da arrecadação é destinado à União, 23% é repassado ao Estado de origem e 65% vai para o município onde é realizada a extração.

Fonte: Folha da Manhã

COMPARTILHAR
Artigo anteriorPM apreende drogas em Itaú de Minas
Próximo artigoPM prende suspeito de tentar furtar fios de cobre
Avatar
O Portal de Notícias de Itaú de Minas. Além das notícias da cidade atualizadas diariamente, o site oferece mural de recados, sua opinião aos fatos e acontecimentos e a cobertura total nos acontecimentos esportivos da cidade, com a divulgação de tabelas, resultados e a transmissão dos eventos futebolísticos, como a participação em campeonatos a nível municipal e regional, com a equipe Toque de Bola.