Foi apresentado na manhã desta sexta-feira, 3 de janeiro, o projeto básico para a construção da ponte que liga Cássia a Delfinópolis, pela MG-856. O projeto foi feito com recursos de Furnas Centrais Elétricas e prevê a necessidade de R$ 67,4 milhões para a execução da obra. O deputado estadual Cássio esteve empenhado desde o início para que o projeto fosse concluído e a ponte construída para que os moradores e turistas tenham melhores condições de acesso ao município.

De acordo o deputado, que esteve presente na entrega do projeto, a construção da ponte sempre é uma necessidade da população, que está ilhada pelo Lago Mascarenhas de Morais, com acesso precário por balsa ou por 62 quilômetros de estrada de terra por São João Batista do Glória. 

O deputado Cássio Soares disse “Esse é o primeiro passo para a construção da ponte. Sabemos que ainda tem um longo caminho para trilhar até que seja de fato concretizada, mas com a união de todos e muito empenho, teremos uma solução, seja a ponte, seja o asfalto, ou os dois”.

Além do deputado Cássio Soares, estiveram presentes na apresentação do projeto, o presidente do SEBRAE Nacional, Carlos Melles; a prefeita Suely Lemos; vereadores de Delfinólpolis: Sebastião Ferreira, Rodrigo Medeiros e Dóris; Luiz Adriano (Priminho), vereador de Cássia; o diretor regional do DNIT, Fabiano Cunha, e o presidente do Circuito Turístico Nascentes das Gerais e Canastra, José Eduardo de Almeida.

Várias reuniões aconteceram em Belo Horizonte, Brasília e até mesmo no Rio de Janeiro, sede de Furnas Centrais Elétricas, até que o projeto fosse feito. “Fomos até a sede de Furnas, reivindicamos e agora estamos recebendo o projeto. Continuaremos firmes, agora em busca dos recursos para a execução da obra, até que a ponte seja uma realidade para a nossa gente”, explicou Cássio Soares.

O projeto prevê 1,8 Km de extensão da ponte, facilitando a entrada e saída da cidade, já que há apenas duas maneiras de acesso ao município, sendo a primeira a travessia por meio de balsa, que permite a chegada até a MG-856, município de Cássia, e a outra é pela BR-464, estrada de terra que liga Delfinópolis a São João Batista do Glória.

“Esse é mais um passo dado no desenvolvimento da nossa região sudoeste mineira. Uma conquista que veio depois de muito trabalho, cobranças e insistência. Agora, outro longo caminho precisa ser percorrido para a concretização desse sonho, e acredito que com muito empenho e dedicação teremos um resultado ainda mais satisfatório. Temos também o desafio do asfalto, ligando a cidade a São João Batista do Glória, facilitando o escoamento da produção agrícola e futuramente o acesso ao Triângulo Mineiro”, afirmou o parlamentar.

DIFICULDADES

A dificuldade de acesso à cidade de Delfinópolis prejudica sete mil habitantes, bem como todos que desejam trafegar no trecho, como turistas. Além disso, a principal fonte renda da população é a produção de banana e soja, o escoamento agrícola e o turismo, que vem crescendo a cada dia.

Diante das dificuldades dos moradores, outra questão apontada pelo deputado Cássio em suas reuniões é a ineficiência do ancoradouro construído por Furnas, que custou R$ 4 milhões e é inviável para o transporte, assim como as balsas, fazendo-se necessário a ponte.

“É com união de todos que conseguiremos o resultado esperado. Sempre estiveram conosco nessa luta, a prefeita Suely e os vereadores Mauro Assis, Analdo, Sebastião Ferreira, Fransérgio, Rodrigo Medeiros, Zé do Nilson e Dóris. Tenho a certeza de que teremos sucesso nessa empreitada”, finalizou o deputado.