09/09 – Uma abordagem a um carro em Passos na noite desta sexta-feira (6) terminou com a apreensão de explosivos, armas, drogas e munição em um sítio na zona rural de Jacuí. Ao todo, a polícia recolheu três armas, munições, dinamite, 17 quilos de maconha em tabletes e um quilo de cocaína. Entre as armas estava um fuzil 556 e um colete balístico que, possivelmente, foram furtados da Polícia Civil de Muzambinho.

 

Segundo informações da Polícia Militar de Passos, o veículo abordado estava na Avenida Arlindo Figueiredo, no bairro Jardim Cidade. Em seu interior estavam um homem, conhecido nos meios policiais, e uma mulher, com um revólver e meio quilo de cocaína.

 

A PM também disse que terceiros informaram onde a droga foi adquirida. A pista levou os policiais a um sítio na zona rural de Jacuí. No local, eles encontraram dois tambores enterrados em uma mata, nos arredores da casa. O primeiro continha a maconha e a cocaína e, no segundo, havia armas, explosivos e munições.

 

O provável dono do material apreendido conseguiu fugir. Ele foi alertado pelos cães que latiram ao ver a polícia. Porém, o pai e a esposa do suspeito foram presos para prestar esclarecimentos.

 

O Sargento Cireli, da Polícia Militar de Passos, informou que uma equipe especial da Polícia Militar de Belo Horizonte foi para Jacuí para detonar os explosivos na manhã de sábado (7). Eram quatro bananas de dinamite. Ele informou também que todo material apreendido foi encaminhado para Passos. Os casais presos irão responder por tráfico, porte ilegal de arma de fogo, receptação e formação de quadrilha.

 

Ainda foram recolhidos pela polícia três carros e uma caminhonete. Policiais das cidades de Passos, Jacuí e São Sebastião do Paraíso integraram a operação.

 

A polícia acredita que os suspeitos sejam integrantes de uma quadrilha especializada em explosão de caixas eletrônicos.

Fonte: G1