10/11 – Desde ontem, segunda-feira (9), o Passense faz seus treinamentos em Fortaleza de Minas. O técnico Flávio Queiroz revela que, desde o início da preparação para o Campeonato Mineiro da Segunda Divisão, que começa no dia 21 deste mês, o clube enfrentou problemas para encontrar local para treinar, já que, em Passos, o estádio municipal Geraldo Starling Soares ainda está sendo preparado para o Alviverde receber partidas no torneio. Outro local, também de propriedade da prefeitura, o Virgílio Otávio de Vasconcelos, está fechado há mais de um ano para recuperação do gramado, banco de reservas, alambrados e vestiários.

O técnico disse ainda que a diretoria tentou de todas as formas conseguir um local para a pré-temporada completa, mas foi em vão. Trabalhos com bola foram feitos apenas no campo do Horto Florestal, que está com a grama bastante castigada. Os clubes particulares de Passos não apoiaram o Passense, então o jeito foi procurar outro local. Na semana passada, fechou-se com a administração municipal de Fortaleza de Minas, que ofereceu, entre muitos benefícios, o estádio municipal Beira-Rio. O time vai treinar também no estádio Tio Véio, de propriedade do Fortaleza Esporte Clube.

O treinador Queiroz ressaltou que toda a direção do Passense agradece de público a receptividade. Ele explicou que a sede administrativa do clube permanece em Passos, onde o time só irá para cumprir os jogos da Segundona. O alviverde folga na primeira rodada, e vai atuar em São Sebastião da Bela Vista, no dia 28 deste mês, diante do Santarritense. Uma semana depois, recebe em seus domínios o Clube Atlético, de Três Corações.

Fonte: Ézio Santos / Folha da Manhã