“A direção da Rádio Boa Nova, vê no Jornal BNN, um grande instrumento de prestação de serviço á população itauense, por isso muitas vezes mesmo sem ter o apoio comercial suficiente a emissora mantém  o programa no ar tendo às vezes que custear as despesas, por ser este um meio que divulga as notícias da cidade. Sempre acompanhamos de perto os trabalhos das entidades civis, políticas, religiosas e militares, com o objetivo de trazer à luz o que está sendo realizado na cidade, e à luz do conhecimento de todos encontrar os meios para a manutenção das coisas boas e a direção correta para as mudanças que se fizerem necessárias.

Sempre buscamos o conhecimento dos dois lados das matérias com imparcialidade e dando vez e voz aos envolvidos, para que tenham a possibilidade de tornar conhecida a sua posição e, assim, o ouvinte tenha condições de refletir e entender o que está acontecendo.

É do conhecimento de todos que no momento temos algumas matérias relevantes em debate no meio político da cidade, por isso, já alguns dias, estamos levando ao ar entrevistas com autoridades do Executivo e Legislativo, onde cada um tem a oportunidade de colocar sua posição diante do fato. Pedimos sempre aos entrevistados que deixem de lado as diferenças pessoais para que estas não interfiram na matéria a ser discutida, e isto venha distorcer os fatos e confundir a população, a emissora não levará ao ar trechos com ofensas pessoais, entendemos que estas diferenças devem ser resolvidas pessoalmente.

Para a emissora os envolvidos sempre serão vistos como pessoas que merecem respeito, ainda que esteja em discordância com A ou B, jamais permitiremos ser um meio de ataques e ofensas pessoais a quem quer que seja, evitando assim que seja instilado o ódio e a intolerância no meio da população. O que se espera das autoridades é uma solução para os problemas encontrados. A democracia nos pede sempre um bom debate com responsabilidade e isento de influências pessoais, o que deve estar em discussão é o bem estar da comunidade e não os interesses próprios.

Diante disto fica aqui o sincero desejo dos responsáveis pelo Jornal BNN: que os entrevistados façam uso consciente e racional do meio que lhe oferecemos, com único objetivo de tornar sua posição conhecida, uma vez que também o outro lado seja divulgado e respeitado, ainda que haja divergências e discordâncias.

Lembramos também que o jornal tem como regra o fechamento da pauta às 10h30 da manhã, ou seja uma hora antes do inicio edição. Por isto, impreterivelmente, só irão ao ar as matérias que estão na pauta até o momento do fechamento. Isto para que o redator e diretor possam organizar e verificar o material para que seja levado ao ar de maneira organizada e pautada pela ética da emissora.”