10/01 – Quando pensamos em crianças e prática desportiva, a associação mais clara é que os dois são grandes aliados. No entanto, é preciso tomar alguns cuidados antes de matriculá-las em atividades físicas.

 

Exames simples de rotina, feitos por um pediatra, podem apontar possíveis doenças que transformam os exercícios em potenciais inimigos. O cardiologista pediatra do Instituto de Cardiologia do Distrito Federal, Maurício Jaramillo, alerta que é um erro pensar que só porque são crianças, não têm nenhum tipo de problema.

 

Esse é o caso de Vítor Oliveira, 16 anos, que descobriu recentemente uma má-formação do coração: a doença cardiovascular da válvula bicúspide. O tenista só ficou sabendo após ser obrigado a fazer exames cardiológicos para participar de uma competição na França. Valéria Oliveira, mãe de Vítor, disse que nem podíamos imaginar que seu filho tinha esse problema.

 

Embora a doença de Vítor não seja um empecilho para praticar esportes, ele precisa fazer um acompanhamento médico para não ter complicações no futuro.

 

Por ser tão importante o exame médico antes da prática esportiva, é que o Itaú Atlético Clube exige esse cuidado, que é de responsabilidade dos pais dos garotos.

 

Os treinamentos do Itaú estão programados para retornarem na próxima semana, a partir do dia 15.