15/01 – Foram transferidos de forma definitiva para a unidade Passos da UEMG, os imóveis que pertenciam à Fundação de Ensino Superior de Passos (Fesp). A incorporação definitiva aconteceu no final de dezembro do ano passado, após um processo de incorporação do passivo e ativo, que durou pouco mais de um ano. A autorização foi feita através de Lei aprovada na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), com articulação do deputado estadual Cássio Soares.

Agora, faz parte do patrimônio da Universidade, os edifícios onde hoje funcionam as atividades da Uemg Unidade Passos: CIRE, Blocos 1, 7 e 12; um barracão utilizado como garagem, nove lotes (terrenos) e uma fazenda experimental. O termo de incorporação foi assinado pela reitora Lavínia Rosa Rodrigues, nas presenças do vice-reitor, Thiago Torres Costa Pereira, e do pró-reitor de planejamento, gestão e finanças, Fernando Antônio França Sette Pinheiro Júnior.

 

“Com a extinção da personalidade jurídica das fundações, o patrimônio também passa a pertencer à Universidade, o que é fundamental para o avanço e progresso do ensino superior público de Minas Gerais. Atividades de ensino como graduação, pós, mestrados, doutorados, pesquisa, extensão e gestão acadêmica que foram absorvidas pela Universidade, vão continuar trazendo progresso ao nosso povo”, comentou o deputado estadual Cássio Soares.