21/11 – O deputado Antonio Carlos Arantes foi recebido em audiência pelo Chefe da Polícia Civil de Minas Gerais, Wagner Pinto de Souza, na quarta-feira (14), para reivindicar mais segurança para a região do Sul Minas. Entre os pedidos estão a designação de delegados, detetives, escrivães e investigadores para São Sebastião do Paraíso, Jacuí, Guaxupé, Fortaleza de Minas e Monte Santo de Minas.

 

No caso de Guaxupé, o município precisa de uma delegada para chefiar a Delegacia da Mulher. Para Fortaleza de Minas, o pedido foi para que o município deixe de ser atendido pela Delegacia Regional de São Sebastião do Paraíso e volte a ser atendido pela Regional de Passos, como era antigamente, tendo em vista que o acesso entre os dois municípios se dá por estrada asfaltada, enquanto por Paraíso a estrada tem uma parte de terra.

 

Vale destacar que, quando Fortaleza de Minas era atendida pela Delegacia Regional de Passos, aquele município pertencia também à área de atuação do Pelotão de Polícia Militar de Itaú de Minas, subordinado à 246ª Cia PM de Cássia.

 

O deputado conversou ainda com o Chefe da Polícia Civil sobre a Delegacia Especializada em Investigação e Repressão a Crimes Rurais (DEIRCR), criada por Lei de autoria dele. Arantes pediu a instalação de novas unidades no interior e acertou detalhes sobre a construção da sede em Belo Horizonte.

 

O Chefe da Polícia Civil agradeceu o empenho do deputado Arantes em contribuir com o trabalho das forças de segurança e ficou sensibilizado com as demandas apresentadas. Ele garantiu que parte delas será atendida. Arantes agradeceu a atenção e se colocou à disposição na Assembleia Legislativa.

Fonte: Ascom Deputado Antônio Carlos Arantes / Rádio Boa Nova