21/05 – Cidades do Sul de Minas anunciaram medidas de restrição de veículos em barreiras sanitárias entre esta quarta-feira (20) e segunda-feira (25). A intenção é limitar a entrada de veículos vindos de São Paulo durante o feriado prolongado na capital paulista para conter o avanço do coronavírus.

As prefeituras do Sul de Minas visam evitar que o feriado estimule até mesmo parentes e amigos do estado de São Paulo a visitarem casas na região durante os seis dias.

Em Cássia, decreto proíbe entrada de visitantes. Considerando as medidas de prevenção, controle e contenção de riscos, danos e agravos a saúde pública, em virtude do surto da doença COVID-19, o prefeito de Cássia, Marco Leandro Arantes, determinou a proibição de entrada de visitantes naquela cidade. De acordo com decreto, fica proibida a entrada de ônibus, vans, táxi e demais meios de transportes coletivos nos dias 20, 21, 22, 23 e 24 de maio. A entrada de veículos particulares e transeuntes em Cássia somente será permitida para aqueles que comprovarem á ida em residências de moradores do município ou trânsito pela cidade. A comprovação deverá ser feita aos agentes das barreiras sanitárias instaladas nos acessos da cidade. O visitante deverá informar nome e endereço completo de pessoa residente no município.

A Prefeitura de Pratápolis não determinou, mas pediu que os moradores de Pratápolis falem com seus amigos e parentes para que não viajarem, para que não venham à Pratapolis. Segundo a Prefeitura, esta medida está sendo tomada por todos os municípios como forma de prevenir a transmissão do coronavírus.

Há ainda cidades da região que começaram ou voltaram a ter barreiras sanitárias, como é o caso de Passos e São João Batista do Glória, respectivamente.

Em Passos, a Prefeitura iniciou, nesta quarta-feira (20), a instalação de barreiras sanitárias no município. No total, serão montados três pontos de inspeção nas principais entradas de Passos com acesso à rodovia MG-050, sendo estes: Avenida Arlindo Figueiredo; Avenida Juca Stockler; e BR-146 próximo ao SAAE. Comandada pela brigada de enfrentamento municipal, as barreiras sanitárias tem como objetivo controlar o perfil das pessoas que chegam à cidade. Sendo assim, a fiscalização está autorizada a abordar motoristas e passageiros para realizar questionamentos relacionados ao novo coronavírus e ao período que os mesmos irão permanecer no município de Passos, além da aferição de temperatura.

Em São João Batista do Glória, a Prefeitura divulgou que, diante da intervenção do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) quanto às medidas de controle e prevenção à pandemia COVID-19, que convocou os municípios da região a responder oficialmente sobre as medidas adotadas, o Comitê Gestor de Combate à COVID-19 de São João Batista do Glória, representantes da Câmara Municipal e da Polícia Militar se reuniram para redefinir as ações. Sendo assim, a partir desta quarta-feira (20), foram reinstaladas as barreiras sanitárias nas entradas do Glória para orientar os ocupantes dos veículos que chegarem e identificar os motivos da ida àquela cidade.

No Sul de Minas, algumas das outras cidades que adotaram medidas parecidas nesse dias foram Areado, Andradas, Muzambinho, Guaxupé, Serrania, Guaranésia, Ouro Fino e Extrema. Em algumas dessas cidades está proibida a entrada de veículo com placa de qualquer cidade de São Paulo; há casos em que a prefeitura proibiu até a entrada, circulação e permanência de todos os veículos com placas de outros municípios.