08/08 – Em reunião com a secretária de Estado de Educação, Júlia Figueiredo Goytacaz Sant’Anna, o deputado estadual Cássio Soares, líder do Bloco Liberdade e Progresso, cobrou mais uma vez a ampliação do número de alunos da rede pública estadual atendidos pelo Programa em Tempo Integral no Estado. A secretária Júlia recebeu o deputado na tarde de terça-feira, 06 de agosto, na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte.

 

No início do mês de abril deste ano, o Governo anunciou o corte no Programa em Tempo Integral no Estado de Minas Gerais. Não concordando com a decisão, o deputado Cássio Soares saiu em defesa da volta do programa, reivindicando a manutenção das aulas em contraturno por todo o Estado. “Não existe investimento mais adequado do que educação de qualidade para crianças e jovens”, afirmou o parlamentar, que liderou movimentos na Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) em defesa do retorno das crianças às aulas.

 

O governo recuou diante da pressão dos parlamentares mineiros, ficando acordado que voltariam as aulas em maio a uma parte dos alunos, outra parte em agosto e em fevereiro de 2020 retomaria os 110 mil alunos que eram atendidos até 31 de dezembro de 2018. “Avançamos no que antes era proposto pelo Governo, mas ainda não é o ideal”, comentou o parlamentar.

 

O ideal para Cássio Soares é a volta de todas as vagas do programa ainda em 2019. Por esse motivo, o deputado protocolou uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que garante a progressiva oferta de educação básica em tempo integral. Ela prevê, ainda, a inclusão, no Ato das Disposições Constitucionais Transitórias, de normas que garantam o comprometimento do Governo do Estado com a manutenção do mesmo número de vagas de educação em tempo integral oferecidas em 2018 e a manutenção do investimento orçamentário para sua realização.

 

“Continuaremos lutando para que a ampliação do ensino integral seja uma realidade constante no governo do Estado, de forma que todas as vagas voltem a ser ofertadas até o final do ano. Acredito que a educação seja a melhor maneira de transformar as pessoas e, por consequência, o nosso Estado e o nosso País”, finalizou Cássio Soares.

Fonte: Ascom Deputado Cássio Soares