27/05 – A Câmara Municipal de Itaú de Minas deve votar, nesta terça-feira (28), um projeto que prevê a redução de nove para sete o número de vereadores na cidade.

 

O projeto pode gerar uma economia de R$ 94 mil por ano ao município e é de autoria dos vereadores Davi Souza (PSD), Gilmar Chaves (DEM), Juliana Mattar (PTB), Matheus Vilela (PSB) e Oberdan Faria (PSDB).

 

Se for aprovado, a mudança já passa a valer para a próxima legislatura, que será eleita em 2020.

 

Na mesma semana em que a proposta de redução de quantidade de vereadores foi distribuída na Câmara, houve outra iniciativa visando ao corte de gastos. Os vereadores Antônio Nunes (MDB), Denis Magalhães (PSB), Donizetti Antônio Amorim (PRB) e Roberto Vieira (PRB) apresentaram um projeto que estabelece que o salário dos vereadores não pode ultrapassar o valor do salário mínimo.

 

Ainda não há previsão de quando ele será votado, pois o PL aguarda um parecer do departamento jurídico da Câmara.

Fonte: Folha da Manhã