16/05 – Os vereadores de Itaú de Minas reuniram-se em sessão ordinária na última terça-feira (14). Na pauta dos trabalhos do dia, deram entrada dois Requerimentos e uma Moção.

 

O Requerimento nº 46/19, de autoria do vereador Oberdan Faria, solicita do Executivo Municipal para que concentre esforços técnicos e legais junto à COPASA e Cemig, para que seja vedado o corte de fornecimento de água e energia elétrica nas sextas-feiras. Esse Requerimento foi aprovado por unanimidade. Já o Requerimento nº 47/19, que requer do Executivo Municipal relação dos agentes políticos que receberam o benefício de 50% no Plano de Saúde, foi retirado da pauta pelo seu autor, o vereador Donizetti Antônio de Amorim e, provavelmente, deve reapresentá-lo na próxima sessão.

 

A Moção nº 05/19, de autoria dos vereadores Denis, Antônio Nunes, Donizetti e Roberto Vieira, é uma Moção de Aplausos à Secretaria Municipal de Educação, pela realização do Seminário Educacional Práticas Libertadoras, e foi aprovada por unanimidade.

 

Nesta sessão da Câmara houve discussões e apresentação de emendas e subemendas ao projeto de Revisão do Regimento Interno.

 

Pela ordem constante na pauta, a Proposição de Subemenda Nº 01 à emenda 01 ao Projeto de Resolução 10/18, que trata de arquivamento de denúncia pela Comissão de Legislação, foi retirada pelos seus autores.

 

Foram aprovadas, por unanimidade, cinco Proposições: a Proposição de Subemenda Nº 02, que permite alteração do dia ou horário de sessão ordinária com deliberação por unanimidade; a Proposição de emenda nº 01, que trata de vários assuntos, chamada de emendão; a Proposição de emenda nº 02, que une duas comissões permanentes Comissão de Obras, Serviços Públicos, Agronegócio, Indústria, Comércio, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; a Proposição de emenda nº 04, que retira vedação quanto a manifestação do público nas sessões da Câmara; e a Proposição de emenda nº 05, que permite o arquivamento de projetos quando o parecer da comissão for por inconstitucionalidade ou ilegalidade, permitindo ainda recurso ao Plenário.

 

Já a Proposição de emenda nº 03, que dispõe que o uso da palavra no expediente será por ordem alfabética, houve pedido de vista feito pelos vereadores Denis, Donizetti e Roberto. Provavelmente, na próxima semana, essa matéria volta para deliberação em plenário.

 

Como o Projeto de Resolução nº 10/18 que trata da Revisão do Regimento Interno, sofreu emendas, ele não foi para a sessão extraordinária, que também era prevista para a terça-feira (14).

COMPARTILHAR
Artigo anteriorEscolas, PSF, NASF e balé do CRAS fizeram homenagens às mães
Próximo artigoCasos de dengue avançam
Avatar
O Portal de Notícias de Itaú de Minas. Além das notícias da cidade atualizadas diariamente, o site oferece mural de recados, sua opinião aos fatos e acontecimentos e a cobertura total nos acontecimentos esportivos da cidade, com a divulgação de tabelas, resultados e a transmissão dos eventos futebolísticos, como a participação em campeonatos a nível municipal e regional, com a equipe Toque de Bola.