26/03 – Foi regulamentada nesta quarta-feira, 25, pela Assembléia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), a votação remota de medidas emergenciais, que adere pela primeira vez um Parlamento estadual e que faz parte de ações da Casa para o enfrentamento da pandemia causada pelo coronavírus.

 

O deputado estadual e líder do Bloco Liberdade e Progresso, Cássio Soares, disse que a primeira reunião remota tem como objetivo votar o reconhecimento do estado de calamidade pública, em questão da pandemia do coronavírus, sobre o decreto 47.891, de 2020 escrito pelo governador Romeu Zema, onde se julga necessário que o prefeito tome medidas extraordinárias apara conter o avanço do novo coronavírus.

 

Aquele que quiser acompanhar a votação do estado de calamidade pública envolvendo o coronavírus, poderá acompanhar pelos canais TV Assembleia e o Portal da ALMG.